Entendendo sobre o Inhotim

Entendendo sobre o Inhotim: um museu a céu aberto no coração de Minas Gerais!

8888

A primeira pergunta é: afinal, o que é o Inhotim?
Em resumo, é uma mistura de jardim botânico com um museu de arte contemporânea!
thumbnail8
Onde fica?
Localizado na pequena cidade de Brumadinho, próximo a Belo Horizonte, o Inhotim é uma joia mineira que PRECISA entrar na sua rota turística JÁ!

História
O Instituto foi idealizado pelo mineiro Bernardo de Mello Paz na década de 80.
A propriedade se transformou com o tempo, e hoje, mais de 10 anos após sua abertura oficial ao público, tornou-se um dos mais relevantes acervos de arte contemporânea do mundo – além de abrigar uma coleção botânica com espécies raríssimas de todo o planeta.

thumbnail

O que esperar
É um mix de arte, história e natureza que enchem os olhos de qualquer visitante!
E não é exagero quando dizem que o lugar é espetacular. Confesso que fui um pouco ressabiada, pois quando um lugar é cheio de expectativas acabo me  decepcionando, sabe? Mas, definitivamente, superou todas e é exatamente tudo aquilo que diziam!
Como o parque está sempre em transformação e novas artes são inauguradas a todo tempo, é um passeio que com certeza vale a pena voltar!
thumbnaily
“Ah, Bia, mas eu não curto muito arte contemporânea, acho meio viagem”… hahahahha
Não importa! Pois as obras e galerias espalhadas em meio aos incríveis jardins, floresta, lagos e trilhas dão uma sensação tão instigante que você vai achar até que uma barra de ferro esquecida aleatoriamente no chão é arte, vai achar lindo e super criativo! Haha.
É isso que esse paraíso faz com você… mexe com os sentidos, trás uma sensação de paz e… sei lá! Não dá para explicar! Só vá!

É muito mais que um museu a céu aberto, ou um parque com exposições artísticas … é uma experiência!

thumbnail9

Não consigo definir minhas exposições/ obras favoritas, pois considero isso  muito pessoal, mas o conselho que te dou: não menospreze nenhuma portinha aberta! Entre em todas pelo caminho e surpreenda-se.

O que fazer?
O museu é dividido em 3 rotas (rosa, amarela e laranja) e o ideal é fazer 2 em um dia e 1 no outro. Mas se você tiver um bom pique, dá para conhecer quase tudo em um dia (principalmente se estiver de carrinho elétrico – já já falo sobre).
thumbnail78

Curiosidade!
Os jardins foram projetados por Luiz Carlos Orsini, e não por Burle Marx, como a maioria imagina e fala. O paisagista ganhou o direito de ter seus créditos reconhecidos após uma disputa judicial – antes o projeto era citado como de Marx, mas este apenas participou orientando Orsini. #tretanaarquitetura hahahaha.

thumbnail56

Como Chegar a Inhotim?
Se você estiver vindo de alguma cidade mais distante, o melhor jeito é pegar um voo até Belo Horizonte e lá alugar um carro até a cidade de Brumadinho (sede do Museu).
Mas existem varias empresas que fazem o transfer da capital mineira até o parque, no melhor estilo bate e volta.
Se você não mora na região, recomendo ficar mais dias e fazer um passeio pela rota mineira. Ouro Preto, Mariana, Tiradentes… São todas cidades próximas que valem muito uma visita. Uma viagem cheia de cultura, arte e história! E prepare o estômago, porque Minas vai te roubar pela boca! =)

Como se locomover?
Existe a opção de fazer o percurso todo a pé (só aconselho para quem tiver muito pique e um bom preparo físico, as distâncias internas são imensas).
Acho que você acabará sem conhecer boa parte dele se tiver que ficar andando e só separar um dia! Se resolver passar 2 dias, como sugeri, aí sim, passear de viação canela rs (como dizem em Minas), será bem gostoso!

thumbnail6

Transporte Interno
Como o parque Possui 140 hectares de área de visitação, existe um serviço de transporte interno com carrinhos elétricos (30 reais por pessoa).
Eu considero essa opção essencial, e valeu muito a pena!
O esquema do carrinho é aquele que você desce nos pontos que quiser (rotas predeterminadas) e aguarda o próximo quando bem entender, nestes mesmos lugares. O tempo médio de espera foi de menos de 5 minutos.
thumbnail2

Transporte Exclusivo
Tem também a opção de transporte exclusivo (que você determina a rota, horários e o tempo), mas essa opção é bem mais cara e achei que o transporte normal atendeu super bem. #ryyyyco hahaha.

Ah! O  parque possui estacionamento gratuito. Oh que beleza?

thumbnail7

Achei melhor não citar as obras e exposições que vi, pois a maioria delas estão  em constante mudança, e são substituídas com frequência.

Então é isso! Se ficou com vontade de conhecer esse paraíso (que me deixou com um orgulho danado de ser mineira) e tiver alguma dúvida, manda pra cá que eu te ajudo!

Distâncias:
Belo Horizonte: 56 km
São Paulo: 559 km
Rio de Janeiro: 422 Km
Tempo médio para conhecer: 1 a 2 dias.
Endereço: R. B, 20 – Centro, Brumadinho – MG, 35460-000

Área: 20,23 km²

Telefone: (31) 3571-9700

Horário de funcionamento:
Aberto de terça a sexta das 9:30 as 16:30
Sábados, Domingos e Feriados de 9:30 as 17:30
Fecha as segundas- feiras
As quartas a entrada é gratuita.
Preço: 44,00 por pessoa.
Estudantes pagam meia.

1 comment

Add Yours

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s